Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

sábado, 9 de abril de 2016

Cabo Frio - Alair recebe SEPE Lagos

Prefeito Alair Corrêa recebe Sepe/Lagos e prioriza Reivindicações

O Prefeito, Alair Corrêa, recebeu os representantes do SEPE- Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação/Lagos, no auditório da Prefeitura de Cabo Frio. O Prefeito ouviu a categoria, conversou sobre às reivindicações e expôs a real situação do município, além de compartilhar as ações que está promovendo para solucionar a crise financeira que é vivida em todo o território nacional.

A reunião iniciou com o Sepe/Lagos destacando itens, que consideraram prioritários, para que o Prefeito Alair pudesse explicar o porquê da forma como estava sendo conduzida ou como ele pretendia solucionar.

A cada assunto, Alair Corrêa, ouvia os representantes do Sindicato e se colocava à disposição para esclarecer quaisquer que fossem as dúvidas. O Prefeito falou de previsão de pagamento de salários, reiterou que a Prefeitura, hoje, só tem possibilidade de pagar os salários dos profissionais de Educação na terceira semana de cada mês. Também apresentou o novo projeto de Geoprocessamento que está adequando o IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano. Esse projeto aumenta a receita municipal e será de grande ajuda para colocar os pagamentos em dia.

“Todos estão acompanhando o processo econômico do Estado e de Cabo Frio. Só conseguiremos pagar em dia após tivermos um fundo de mais de 30 milhões de reais. Sem isso, não temos como voltar a pagar em dia. Eu estou em busca de recursos porque preciso pagar em dia, esse é meu desejo, eu luto por isso todos os dias. A chegada desses recursos financeiros é nossa prioridade”, disse Alair Corrêa.

Alair deixou claro que a Prefeitura não aumentou os impostos aos cidadãos para compensar a queda da receita por perda dos royalties e afirmou que está empenhando esforço total na busca de recursos.

“Saio dessa reunião preocupa, mas também estou satisfeita porque estamos conseguindo sentar e falar com o Prefeito. Foi um Governo difícil, mas as questões orçamentárias estão sendo discutidas. A gente vai poder colaborar com a Gestão Pública e o melhor que esperamos é que a máquina funcione”, disse Denise Alvarenga, integrante do SEPE/Lagos.