Buscando a notícia para você desde 2007 - Região dos Lagos - Ano 2017 -

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Iguaba Grande - Cidade conquista 3° lugar no Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

O município de Iguaba Grande recebeu, dia 30 de março, pelas mãos da Prefeita Grasiella Magalhães, o Prêmio Prefeito Empreendedor, com destaque para a categoria de Melhor Projeto, que foi realizado em conjunto através das Secretarias de Meio Ambiente e Agricultura, Abastecimento e Pesca. O evento foi promovido pelo SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio a Micro e Pequenas Empresas) e a solenidade foi sediada no Palácio Guanabara, no Rio de Janeiro.

O Prêmio, que está na sua IX edição, alcança prefeitos municipais de todo o Brasil e administradores regionais do Distrito Federal – DF e de Fernando de Noronha – PE. Recebe o prêmio os gestores que tenham implantado projetos de fomento ao desenvolvimento de pequenos negócios, incentivo à políticas públicas, e à modernização da gestão pública contribuindo, assim, diretamente no crescimento econômico e social do município.

Iguaba Grande, que ficou entre os 29 municípios finalistas, conquistou o 3º lugar, vencendo na categoria de Melhor Projeto. Ao todo oito quesitos foram avaliados, e Iguaba concorreu como finalista nas categorias de Melhor Projeto e Inovação e Sustentabilidade.

“Quero agradecer por receber esse Prêmio em nome do município de Iguaba Grande. Embora pequena, nossa cidade mostra, através dessa vitória, que grandes conquistas estão sendo realizadas. Estou muito feliz com essa premiação, é recompensador receber esse reconhecimento pelo SEBRAE, pois valorizou o trabalho das áreas da Agricultura e Meio Ambiente que são fontes de grande potencial.” Declarou em discurso a Prefeita Grasiella Magalhães.

Das iniciativas trabalhadas pela Secretaria de Meio Ambiente, se realizou a arborização das praças, escolas e postos de saúde a partir da produção de mudas do Horto Intermunicipal. Outra ação que nasceu a partir do tratamento dos resíduos através da Secretaria foi o aproveitamento do material que resta da poda das árvores da cidade para fazer compostagem e enriquecer o solo.

Na pesca, as medidas tomadas pela prefeitura, através da Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Pesca, foram a oferta de atendimento técnico em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e a disponibilização de máquinas, como arado, grade, roçadeira e sulcador. Com isso, já consta oito agricultores que fornecem produtos para a merenda escolar na cidade, o que estimula cada vez mais o empreendedor rural.

Hoje, o impacto desse projeto abrange todo o município e beneficia toda a comunidade de pescadores e agricultores. São 17 famílias de agricultores e pequenos pecuaristas beneficiados, 130 pescadores atendidos, e o aumento de 40% no volume de peixes capturados. Ao todo foram 2.454 mudas doadas pelo Horto Intermunicipal, 20 toneladas de material de informática e eletroeletrônicos coletados, e também, 22.678 pneus inservíveis vendidos para reaproveitamento.

Texto: Lívia Lisle
Fotos: Alexandre Oliveira